Futebol feminino deve ser valorizado na sequência

Este domingão (23) ficou marcado pela eliminação da Seleção Brasileira para a França na Copa do Mundo de futebol feminino. E foi um jogão, viu?! O time do Vadão ficou no empate por 1 a 1 com os anfitriões no tempo normal e acabou caindo após um gol chorado na prorrogação, marcado pela Henry. Curioso, hein? De lembrar que no Mundial de 2006, só que masculino, o Brasil também caiu para os franceses com o gol de outro Henry. Que coisa, hein?!

A verdade é que nossa Seleção caiu de pé. Ou seja, diante de todas as dificuldades fez um excelente papel. Em momento nenhum fraquejou ou pipocou. O time foi guerreiro e por pouco não se classifica. Mas a verdade é que a França, assim como seria a Alemanha, tem uma equipe superior a brasileira. E esse nosso time ainda é muito dependente da qualidade de estrelas como Marta, Cristiane e Formiga, todas praticamente em fim de carreira e disputando a última Copa.

O que precisa ser feito no nosso País é um trabalho de incentivo da modalidade. Precisamos que criem novos celeiros - com ajuda governamental (e por que não?) - para que apareçam novas Martas, Formigas e Cristianes. O preconceito que temos por aqui é VERGONHOSO. E mais: chega e tão pouca divulgação! É fácil para a Rede Globo pegar só o filé mignon! Divulgar só o mundial. Quero ver os caras valorizando o esporte e divulgando o trabalho das meninas e seus eventuais patrocinadores. Só assim rola uma evolução.

Digo da minha parte: eu e a TV Bandeirantes (graças ao eterno e inesquecível Luciano do Valle) sempre divulgados o futebol feminino no Brasil. E isso seguirá! Vocês verão em breve na tela da Band e o Campeonato Brasileiro da modalidade. Fiquem espertos e prestigiem. Só assim teremos um time forte e brigaremos por algo maior em uma próxima Copa. Eu sempre acredito, é claro!

62 comentários

  1. Adriano 24 junho, 2019 at 00:05 Responder

    craque neto o vadão continua? ou não ? e se convocasse as meninas que jogam no santos? sera que da para ir mais longe ou não? e agora o que vai ser daqui pra frente fiquei triste que a seleção não conseguiram passar mas foram guerreiras e ai craque neto como vai ser?

  2. guilherme 10 24 junho, 2019 at 00:05 Responder

    o que vai ter de impresa brasileira puxando o saco dessa mulherada segunda feira nao vai ta na historia.. Mas o fato é que elas estão em um nivel muito abaixo das estrangeiras. voce acha que essa repercussão todas vai durar só uma semana ou dessa vez o futebol feminino entra de vez para o gosto do brasileiro, netao ?

  3. Nuno 24 junho, 2019 at 01:19 Responder

    Hoje a seleção feminina é panela igual a seleção masculina tudo interesse…cadê uma jogadora do Santos que hoje é um dos melhores times brasileiro na modalidade??? Marco Aurélio Cunha fazendo o que lá era para ser a Sissi…Vadao 11 jogos 9 derrotas consecutivas e continuou…Marta pensando em patrocínio e igualdade mais esquecendo de jogar futebol…Formiga 41 e titular e com certeza vai disputar a olimpíadas…aí te pergunto ganhar alguma coisa como com essa velha política que acaba com nosso futebol.

  4. Diogo Berlanda 24 junho, 2019 at 08:31 Responder

    Seleção feminina e masculina tem algo em comum. CLUBISMO, ambas não levaram nenhum(a) jogador(a) dos times que estão destruindo; Santos e Palmeiras. Quem sabe se o Vadão não tivesse levado as sereias da vila o resultado não seria outro.

  5. Marcelo Vilela 24 junho, 2019 at 08:44 Responder

    Duvido que será! Futebol feminino não dá retorno financeiro considerável, a CBF só pensa nisso, afinal, precisa pagar advogados pra dirigentes e ex dirigentes corruptos.

  6. Ricardo Nizoli 24 junho, 2019 at 09:18 Responder

    Torci demais ontem por elas, eu , minha esposa e minha filha, elas sim deram um orgulho e uma grande tristeza quando perderam o jogo , correram até não aguentar mais e deram uma real sensação que poderíamos ter passado , parabéns a vcs do futebol feminino !!! Já o masculino confesso que nem sei quando será o próximo jogo , desinteresse total !!! Uma baita panelinha

  7. KEVIN LUCAS PEREIRA DA SILVA 24 junho, 2019 at 09:33 Responder

    No momento, é inviável, pois não é rentável passar na TV aberta ou fechada o campeonato feminino nacional. O ideal, de início, seria q as grandes emissoras de esportes, como Band, SporTV, FoxSports, Esporte Interativo, ESPN, entre outras, oferecerem os jogos em SERVIÇOS DE STREAMING. Exatamente como a DAZN, q é um serviço de streaming, oferece aqui no Brasil com diversas competições.
    Poderiam transmitir os jogos tendo como opção os 3 grandes sites de streaming: Youtube, Facebook e Twitch. Sempre fazendo divulgação na TV, sites e redes sociais e compartilhando links para o público poder assistir, e daí, “ver no que dá”, vendo como será a resposta do público online, para um dia sonhar em passar na TV!

  8. Ramon Borges 24 junho, 2019 at 10:43 Responder

    Craque Neto, vc não acha que elas se preocuparam mais com militância e menos com o futebol?
    Tentaram lacrar e esqueceram de jogar bola? E a Marta jogou só com o nome.

  9. Paulo Henrique 24 junho, 2019 at 10:53 Responder

    Neto vc deveria ser o presidente da cpf. Tirar todos esses ladrões q la estão.. a Globo essa TV tendenciosa só passa os filé. Pq ela não passa o futebol feminino nos clubes. Os campeonatos regionais feminino. Parabéns a vc a Bandeirantes por ser pessoas de caráter. Por falar em Luciano do vale.. lembro dele narrando como se fosse hj um ícone o maior narrador de todos os tempos junto com Osmar Santos no rádio. Deus abençoe

  10. Elcio Azevwdo 24 junho, 2019 at 10:53 Responder

    Essa é a seleção que o torcedor quer: determinação, garra, vontade é muita disposição para jogar, foi uma pena ter sido eliminada, diferente da masculina que é e são um bando de mala, isso mesmo um bando.
    Parabéns a todas meninas dessa seleção.

  11. Discípulo do Craque Neto 24 junho, 2019 at 11:11 Responder

    Netão, sempre quando assisto futebol feminino em jogo decisivo lembro daquela musica da XUXA: pipoca aaaah, tem cheiro de pipoca esparramando no ar, pipoca obaaaaaaa, comendo o dia inteiro esparramando no sofá! Conhece essa musica Craque Neto?

  12. Silviano 24 junho, 2019 at 11:20 Responder

    Bom dia craque neto! Sou palmeirense e te amo de coração, vc é um cara sensacional. Gostaria mto de assistir o seu programa te conhecer pessoalmente e conversar com vc! Eu penso futebol muito parecido com vc, curso Ed física e meu sonho é ser treinador de futebol. E temos muitos conceitos parecidos inclusive sobre seleção brasileira e essa jogadorzada pé de rato de hj em dia!
    Abraço!

  13. mario 24 junho, 2019 at 11:26 Responder

    Neto, a verdade é uma só…da retorno financeiro para os envolvidos? os campeonatos vão lotar estádios? os clubes vão vender suas jogadoras por milhões e milhões de euros ou dólares? vai dar audiência na tv? Se for acontecer tudo isso, claro que irão valorizar…se não for acontecer, o futebol feminino vai continuar minguando da mesma forma como está hoje..
    o Mundo gira em torno de dinheiro, ninguém vai valorizar só por achar que deve valorizar, sempre tem que ter um “retorno”
    sejamos realistas
    abraço!

  14. Dejanir 24 junho, 2019 at 11:43 Responder

    Fala netão… problema é que só vai ter investimento onde tem retorno!!! Um campeonato feminino não da público, ninguem compra camisas de jogadoras femininas, então é complicado pra patrocinadores também… cara se o jogo da seleção ja é duro acompanhar pq o nível é mto ruím…. imagina um campeonato estadual ou nacional…. ninguem vai ver….

  15. Luca Brasi 24 junho, 2019 at 12:16 Responder

    Craque Neto,
    Sobre futebol feminino, você disse anteriormente:
    “Até porque do meio pra frente ninguém segura a Marta e a Cristiane. É hora de dar aquele último gás. Se doar para buscar essa taça. Quem sabe um inédito título Mundial não colocasse o futebol feminino em outro patamar por aqui. Eu sigo acreditando.”
    Depois do que vi ontem, não dá mais para ficarmos com as jogadinhas manjadas da marta e da cristiane. Elas, mais a formiga, devem pegar o boné e cair fora.
    Ainda sobre o jogo, as francesas engoliram as brasileiras (a Amandine Henry jogou muito), esta é a verdade.
    A outra verdade, mais dura ainda: o futebol feminino tem pouca demanda no Brasil e, hoje, só dá prejuízo, segundo a própria CBF.
    Fica a dica: creio que marta e cia têm grana e fama. Então, pergunto:
    Por que elas não montam CT’s em alguns estados?
    Por que elas não se tornam empresárias de clubes e vão atrás de patrocínio de empresas privadas que queiram investir no futebol feminino?
    Abraços!

  16. Junior 24 junho, 2019 at 12:49 Responder

    Time femininos dão prejuizo aos clubes. É um mercado que nao se vende. O que adianta um tv trasmitir as partidas se nao tem audiência? Qual a empresa que vai colocar sua marca pra pouquissimos ver? Sendo assim pra emissora nao compessa investir na modalidade pois nao vai ter patrocinador e nem torcida no estadio . O que precisa existir pra coisas melhorar no futebol feminino serao clube – empresa , campeonatos universitário. Foi assim que os EUA conseguiram encaixar na cultura deles o futebol feminino . E o que paresse é que tao tentando empurrar goela abaixo uma modalidade que nao faz parte da cultura brasileira . Igual beisebol, Basket .e nem por isso vemos eles reclamando da falta de incentivo. E pelo amor de Deus troquem de goleira.

  17. Fernando 24 junho, 2019 at 13:02 Responder

    craque Neto. vc concorda que a comissão técnica não acompanhou algumas atletas que estavam e estão fora de forma antes da copa feminina

    outra coisa. recentemente vi o talento da jogadora de futebol de salão da Amandinha será que ela e outras com talento não se adaptaria ao futebol de campo.

    abraços craque

  18. Fernando 24 junho, 2019 at 13:02 Responder

    craque Neto. vc concorda que a comissão técnica não acompanhou algumas atletas que estavam e estão fora de forma antes da copa feminina.
    Outra coisa. recentemente vi o talento da jogadora de futebol de salão da Amandinha será que ela e outras com talento não se adaptaria ao futebol de campo.

    abraços craque

  19. Murilo 24 junho, 2019 at 13:20 Responder

    Futebol feminino só falta mais investimento, coisa que aconteceu só praticamente obrigando os clube a começar a investir.
    Sinceramente acho que o jogo da seleção feminina deu mais gosto de assistir que o masculino, pelo menos senti a vontade de jogar e honrar a camisa, coisa que a nossa seleção masculina não faz a muito tempo, concorda Neto?

  20. cristian 24 junho, 2019 at 13:26 Responder

    Craque Neto não sei se é pressão minha o futebol feminino deveria melhorar um pouco mais qualidade técnica das Goleiras?Não só do Brasil como de outras seleções também

  21. Ulemar 24 junho, 2019 at 15:34 Responder

    Belo texto, Neto, concordo com você em tudo. Nossa seleção fez o que podia, ficou mais do que nítido que a falta de bom senso do alto comando levaram elas a terem vários problemas para essa copa, especialmente de ordem física. É muito fácil para a dona Globo pegar só o Mundial da Categoria, quero ver prestigiar o campeonato nacional das meninas. Aguardo ansiosamente para prestigiar na tela da Band os jogos do campeonato brasileiro feminino. Tamo junto, craque, forte abraço!

  22. Alex Johner 24 junho, 2019 at 16:42 Responder

    A Marta disse que ela , Cristiane e Formiga, não serão eternas,ainda bem,pq nunca ganharam nada, esperamos que a próxima geração seja melhor,o que também é difícil, já que o nível técnico do futebol feminino,no geral, é pífio, da sono assistir.

  23. Netho 24 junho, 2019 at 17:54 Responder

    A meninas do Brasil poderiam ter passado, fácil, pela França.
    A lateral esquerda e a zagueira pelo lado direito cometeram falhas primárias individuais.
    No coletivo o Brasil foi superior. Na parte física não aguentaram o tranco da prorrogação.
    Sugestão ao craque Neto.
    Fazer uma entrevista com Tostão, o nosso Pelé Branco da camisa 8 no Cruzeiro e 9 na seleção.
    Olha a resposta dele, Neto, no El País Brasil, a respeito do 7 a 1 contra a Alemanha.
    O repórter do El País pergunta onde Tostão estava quando o Brasil tomou o “sacode” de 7 a 1.
    Resposta de Tostão:
    “Estava em casa. Fiquei paralisado. Foi a maior catástrofe de todos os tempos da história do Futebol. E não foi um acidente, como quiseram dizer depois”.
    Leia na íntegra, craque Neto.
    Ele também fala sobre Maradona, Messi, Cristiano e que Neymar é irresponsável.
    E garante que Pelé foi mesmo o maior de todos em todos os tempos.
    Está no El País de hoje. Segue o link:
    https://brasil.elpais.com/brasil/2019/06/20/deportes/1561055765_937079.html

  24. Antônio 24 junho, 2019 at 19:10 Responder

    Eu gosto de futebol mas a midia exagera na promoção desse esporte. O Brasil tem problemas gravíssimos na saúde, educacao, tem péssima divisão de renda, e um país com grande tráfico d drogas e e violento. Futebol e só um entretenimento. O foco tem que estar virado para o crescimento do país. Daqui a pouco vcs começam a achar que a bola e mais importante que o ser humano. Se o time perdeu dana-se . Eu quero abaixo de DEUS e saude, dinheiro. Uma nação de primeiro mundo. Chega de ser chacota para gringos europeu, asiáticos……. Acooorda povo. Vcs estão brigando por causa de clube e seus filhos passando fome.

  25. Guilherme 24 junho, 2019 at 19:25 Responder

    Neto…. Comenta aqui no seu blog e no seu programa sobre as Leoas da Serra de Lages SC, que foram campeas mundiais interclube… Valorizar oque é nosso… Com muito apoio e patrocinio foram campeas em cima de um clube campeao eropeu…

  26. Cris Passarelli 24 junho, 2019 at 22:38 Responder

    Perfeito o texto, disse tudo! E infelizmente ainda vivemos num país preconceituoso e que não apoia o futebol feminino, vide tanto comentário babaca aqui. Parabens meninas, jogaram muito bem e caíram de pé.

  27. FRANCISCO CARLOS DE CAMPOS JUNIOR 25 junho, 2019 at 11:24 Responder

    Neto, só para constar, que o time de futebol de salão feminino (Leoas da Serra) de Lages Santa Catarina, ganhou neste final de semana o MUNDIAL INTERCLUBES vencendo o time do Atlético de Madri, e ainda temos a melhor jogadora de futsal do mundo no time. Todos os jogos com estadio lotado, porque nenhuma TV divulga isso.

    abraço.

Deixe um comentário