Sem estrelismo ele é excelente!

Veja como são as coisas... eu estava olhando a lista de artilheiros do Brasileirão e vi o moleque que surgiu ainda pequeno em São Bernardo do Campo, o Gabriel Barbosa, na topo com 15 gols. Isso mesmo! Além de ter sido o goleador da Copa do Brasil desse ano o Gabigol, como ficou conhecido no Peixe, lidera também o quesito no principal campeonato nacional. Ele sabe finalizar com qualidade - com pé de cabeça-, tem velocidade e bom drible. Ou seja, todos os quesitos que precisa ter um bom centroavante.

Aí os mais pessimistas me perguntam: 'Por que tanta irregularidade?'. Sinceramente não sei. A única conclusão que consigo chegar para tamanha instabilidade nas temporadas em que esteve jogando fora do País é o psicológico. Isso significa, se a cabeça não está boa, o corpo não acompanha. O Gabriel surgiu muito rápido no Santos. Com 16 ou 17 anos já era estrela da equipe brilhando intensamente. Todo muito paparicava. Acho que ali estrelou demais. Esqueceu as origens e base familiar que seus pais lhe deram. Eu também passei por isso. Não recrimino.

O mais importante é que ele ainda é jovem e tem muito tempo para dar a volta por cima. E já está dando. Seguindo assim, e marcando muitos gols pelo Santos, não tenho dúvidas de que o Gabriel voltará rapidamente à Seleção Brasileira. Basta focar no trabalho e direcionar bem a carreira. Mas acima de tudo é fundamental ser humilde e se desprender de estrelismos. Assim ele vai longe.

8 comentários

    • Craque Neto 27 outubro, 2018 at 22:12 Responder

      Essa é uma discussão boa. Um tem cabeça e menos técnica. O outro tem mais técnica e menos cabeça. Acho que no final se equivalem.

  1. João Vitor Marangoni 27 outubro, 2018 at 19:33 Responder

    Parabéns Neto falando um pouco do Santos, um dos poucos times que não caíram pra segunda divisão
    Acho q perde audiência ao não falar na televisão do Santos

  2. Netho 28 outubro, 2018 at 00:09 Responder

    Peixe vai engolir o Porco.
    Scolari não vai ganhar nada.
    Quem toma de 10 a 1 com a camisa verde amarela nem deveria mais dirigir time nenhum no Brasil.
    Palestra vai dançar.
    Cuca vai botar o Scolari na roda de bobinho até cansar.

  3. Mateus 29 outubro, 2018 at 13:26 Responder

    Aqui no futebol de merda que temos é óbvio que ele é bom. Mas basta o nível subir um pouquinho só pra gente ver o jogador medíocre que ele é. Pra mim jogador que sai pra Europa e volta pro mesmo time que saiu menos de 2 anos, ainda emprestado, é jogador fracassado.

    Jogador de um time só você entende na pele, né não Netão?

    • Craque Neto 29 outubro, 2018 at 19:45 Responder

      Se foi irônico falando de mim, sou o quinto maior artilheiro da história do Guarani, fui bem também em SP e Palmeiras antes do Corinthians. O restante realmente enganei.